Antes Que Tu Conte Outra

12:06



Capa de "Antes Que Tu Conte Outra"
Foto: Rafael Rocha
Há pouco mais de duas semanas foi lançado “Antes Que Tu Conte Outra”, novo álbum da Apanhador Só. Arriscaram um vôo em queda-livre, mas o paraquedas abriu. Após um ano, o pouso foi amparado e aguardado por exatos 764 apoiadores, pessoas que junto à banda e graças ao Catarse, plataforma de crowdfunding ou financiamento coletivo, tornaram o projeto realidade. O impacto da queda foi maior. O segundo álbum dos gaúchos exalta a liberdade de criação e ousadia. É também tenso, debochado, escrachado e, ainda assim, divertido na medida certa.




Motivos
Imagem: Divulgação
As parcerias não terminam nos colaboradores do Catarse. O disco foi co-produzido por Gustavo Lenza, Zé Nigro, Antonio de Paula Ternura e Diego Poloni. Em 21 de maio, “Antes Que Tu Conte Outra” foi disponibilizado gratuitamente para download no site oficial da banda, assim como os trabalhos anteriores, Apanhador Só (2010), Acústico-Sucateiro (2011) e Paraquedas (2012). Além de baixar, os fãs podem ainda ouvir as novas canções por streaming.


Apanhador Só 2.0

A internet faz parte do arsenal dos rapazes desde o início de sua trajetória. Eles operam essa ferramenta tão bem quanto os objetos inusitados inseridos nas melodias e nos palcos. A banda vê na web a possibilidade de distribuição de conteúdo, aproximação e reconhecimento por ser uma linguagem comum e muito presente na geração atual.

Essa afinidade da Apanhador Só teve início na Trama Virtual, comunidade brasileira de bandas, pela qual passaram nomes como Vanguart, Móveis Coloniais de Acaju, Cansei de Ser Sexy, Nevilton e O Teatro Mágico. Anos depois eles surgiram em outra rede social para fazer valer a máxima “a união faz a força”. E fez. Catarse, como dito anteriormente, é uma interface de crowdfunding, na qual, como consta no site, “pessoas apoiam financeiramente projetos criativos em troca de recompensas que variam de acordo com o valor contribuído”. Cada projeto possui um prazo de arrecadação e, uma vez alcançado o total almejado, a idéia é iniciada, caso contrário o valor é devolvido às pessoas que contribuíram.

No perfil da banda no site consta o total necessário e o arrecadado, R$ 59.188, para cobrir gastos com produção musical, gravação, mixagem, masterização, arte gráfica e fabricação dos discos. Em troca todos os colaboradores tiveram o nome creditado na arte do álbum, além de recompensas equivalentes ao investimento de cada um. Através de um vídeo postado no mesmo perfil alguns integrantes do grupo convidam e explicam a iniciativa, condições e as recompensas que envolviam desde cds, bottons, adesivos e camisas até oficinas, show acústico-sucateiro em casa, trilha sonora e serenata romântica. 


Linha do tempo

Os guris juntaram-se entre 2003 e 2004, mas foi em 2006, em Porto Alegre e com o lançamento do primeiro EP Embrulho Pra Levar, que Apanhador Só se firmou como banda. Hoje é composta por Alexandre Kumpinski, Felipe Zancanaro, Fernão Agra e André “Foca” Zinelli, e é um dos novos nomes do rock alternativo brasileiro. 

A sonoridade da banda é marcada pela experimentação, fato que explica o nome Tom Zé entre uma das referências dos meninos. Fazem parte também das influências Beatles, Chico Buarque, The Who e Strokes.


O projeto gráfico

Rafael Rocha assina mais uma vez o projeto gráfico. Para “Antes Que Tu Conte Outra” foram confeccionados doze cards, idéia presente também na arte de Apanhador Só (2010), pôster, capa, contra capa, bolacha e encarte.


 Frente e verso do card da faixa 03
Foto: Reprodução

Encarte
Imagem: Rafael Rocha
Além de colocar as músicas para serem baixadas de graça, a Apanhador Só investe também na venda dos formatos físicos de mídia não se detendo ao Mp3. As composições já foram colocadas e são comercializadas em vinil, fita k7 e, claro, em CD. O cuidado dedicado à direção de arte dos projetos e nos diferentes formatos vem da necessidade dos fãs de música de ter o objeto para apreciar e guardar.

Também poderá gostar

0 comentários

.

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-SemDerivações-SemDerivados 2.5 Brasil.